Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Ex-técnico "Rei do Acesso", Vágner Benazzi morre aos 68 anos

Vágner Benazzi comandou o Avaí em 2010
Vágner Benazzi comandou o Avaí em 2010Profimedia
O ex-técnico Vágner Benazzi morreu nesta segunda-feira (22), aos 68 anos de idade, em Osasco, na região metropolitana de São Paulo. A causa do falecimento do treinador não foi divulgada.

Benazzi era conhecido por seus trabalhos em divisões inferiores e seu sucesso em subir os times sob o seu comando. A fama lhe gerou o apelido de "Rei do acesso". O paulista treinou dezenas de clubes em seus 27 anos de carreira.

O técnico trabalhou por todo o Brasil e teve passagens marcantes por Bahia, Vitória, Paysandu, Portuguesa, Avaí e Figueirense. Seus principais títulos foram a Série B de 1998, com o Gama, dois títulos catarinenses, com o Figueirense, e o Cearense de 2005, no Fortaleza. O último clube que Benazzi comandou foi o Comercial-SP, em 2016.

Além da carreira de técnico, Vágner Benazzi foi jogador e atuou por diversos clubes em 15 anos, como lateral-direito. Palmeiras, Portuguesa, Sampaio Corrêa e Juventude foram alguns dos times que o tiveram como atleta.