Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Santos notifica Cruzeiro e Juventus por negociação de Kaio Jorge e ameaça ir à FIFA

Santos ameaça ir à FIFA após venda de Kaio Jorge para o Cruzeiro
Santos ameaça ir à FIFA após venda de Kaio Jorge para o CruzeiroGustavo Aleixo/Cruzeiro
O Santos informou nesta segunda-feira (17) que notificou Cruzeiro e Juventus pela negociação do atacante Kaio Jorge. O jogador foi anunciado pelo clube mineiro na última semana.

O Santos garante que teria preferência em caso de venda efetuada pela Juventus ao futebol brasileiro. A cláusula de repatriamento teria sido estabelecida na venda feita pelo Peixe ao clube italiano em 2021. A diretoria santista alega que não foi procurada antes da transferência para o Cruzeiro ser anunciada.

"Em nenhum momento, o Santos foi comunicado sobre as informações da transação ou consultado sobre o interesse em readquirir o jogador. Kaio Jorge foi formado nas divisões de base do Santos", afirmou o Peixe em comunicado.

Ainda na nota divulgada, o Santos informou que dará um prazo para manifestação dos clubes envolvidos e, posteriormente, poderá recorrer à FIFA. 

"O Santos FC aguarda a manifestação das partes para a apresentação de eventual demanda à Fifa. A Juventus anunciou oficialmente em seu site a negociação do atleta ao clube brasileiro no dia 11 de junho de 2024. Simultaneamente, o clube mineiro confirmou a transação pelos canais oficiais", acrescentou.

O Cruzeiro respondeu o Santos em comunicado oficial afirmando que "não tem conhecimento e não é parte envolvida no contrato firmado entre Santos e Juventus"

Kaio Jorge tem contrato com o Cruzeiro até o fim de 2029
Kaio Jorge tem contrato com o Cruzeiro até o fim de 2029Gustavo Aleixo/Cruzeiro

"Desta forma, o Cruzeiro não possui legitimidade para figurar na relação contratual havida entre as partes, e está seguro que não pode ser envolvido nesta discussão, que diz respeito exclusivamente aos clubes em questão", completou.

Kaio Jorge foi anunciado pelo Cruzeiro na última semana, com um contrato de cinco temporadas. Segundo a Juventus, a venda está avaliada em 4,5 milhões de euros (R$ 25,7 milhões).